Links Patrocinados: para onde vai esse mercado?

Recentemente fui entrevistado pelo jornalista João Paulo Nucci para uma matéria publicada no Meio&Mensagem dessa semana. A pedido dele, fiz um panorama do mercado de links patrocinados no Brasil. Reproduzo abaixo minhas declarações.

2006 foi um ano muito bom para mídia online. A expectativa é ter fechado o ano com 2% de participação no bolo, que era uma meta que haviamos estabelecido ainda quando Presidente do IAB. Para 2007, a expectativa continua positiva e, especificamente para o mercado de Busca o ano deve ser melhor ainda.

2006 foi a consolidação do search engine marketing no país. Acredito que para o próximo ano veremos cada vez mais agências “tradicionais” e online treinando e formando pessoal especializado na gestão de campanhas. Hoje você tem 3 “SEM Agencies” ou “agências de SEM” dominando o mercado e acredito que esse número possa chegar ao máximo de 5 empresas em 2007, pelo menos para atender grandes contas. Claro que para o pequeno e médio anunciante as opções são maiores, inclusive criar sua campanha diretamente com os veículos no sistema online. Mas para grandes contas, que demandam um acompanhamento detalhado e ferramentas de gestão sofiscadas, as opções são mais restritas.

Aposto na chegada de algumas SEM internacionais, seja por parceria ou por aquisição. Isso também pode ocorrer no lado das agências tradicionais, que podem ver a aquisição de agências SEM como uma forma rápida de se posicionar no mercado e atender seus clientes internacionais.

Do lado dos veículos, fica a expectativa do lançamento no país do novo sistema do Yahoo, conhecido como Projeto Panamá, já em operação nos EUA. Além disso, o mercado aguarda a chegada do MSN Ad Center, que promete grandes inovações no setor, mas que não deve chegar ao país antes do final de 2007.

Quanto aos investimentos acredito ser importante Google e Yahoo Search participarem do Projeto Intermeios, pois sabemos que as campanhas de links patrocinados foram responsáveis por boa parte do crescimento do bolo online nos EUA e Europa. Fala-se hoje que Search seria 10% do bolo total, mas não tenho muita certeza. O que está claro para mim é que há muito dinheiro novo, já que a maioria dos anunciantes dos buscadores ainda são pequenas empresas, que não aparecem no intermeios. Por iso, o número que vêm dos buscadores será sempre maior do que o trabalhado pelas SEMs.

O lado negativo fica com a crescente preocupação com os cliques fraudulentos, que são hoje a grande ameça ao mercado de performance no mundo todo. Esse pode ser mais um fator para atrair empresas internacionais para nosso mercado, em especial aquelas que oferecem auditoria de cliques.

O IAB Brasil criou um Comitê de SEM que deve tratar de equestões éticas e educacionais. Também decidiu-se por adotar “SEM (Search Engine Marketing) como o nome “formal” do segmento, acompanhando tendência internacional.

Para a MídiaClick 2006 foi um grande ano: lançamos a empresa em março com 3 pessoas ocupando uma sala na AgênciaClick. Hoje, o faturamento cresce na faixa de 20% ao mês, temos 40 clientes ativos e ocupamos um andar na região da Berrini com mais de 30 funcionários.

  1. #1 por Rafael Dourado em 10/01/2007 - 12:09

    Sinta falta de links em boa parte dos seus textos. Claro que sempre é possível procurar pelos assuntos no Google, mas indicações de leitura sempre são bem-vindas.

  2. #2 por Sant'Iago em 10/01/2007 - 21:14

    Rafael, obrigado pela sua sugestão. Textos como esse não tem muitas oportunidades para links externos, pois são expressões de meus pontos de vista, o que necessariamente não refletem fontes disponíveis online. Sempre que possível procuro identificar as fontes. Valeu o toque.

  3. #3 por Carlos Eduardo em 01/02/2007 - 11:56

    Pelo o que eu entendi, então Google e Yahoo estão fora do Projeto Intermeios. Entendi corretamente? Se sim, isso realmente deve “esconder” um mercado em expansão, que deve ser significativo… certo?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: