Duas notícias chamaram minha atenção hoje por serem complementares.

A primeira é sobre o MSN AdCenter, que como você já deve saber é a nova solução de Busca da Microsoft que permite diversas segmentações em suas campanhas de links patrocinados por dados demográficos, sexo e local de residência. Pois bem, segundo a “search agency” 360i, os resultados das campanhas no AdCenter, que ainda está em versão beta, tem se mostrado mais significativos do que as campanhas no Google e Yahoo. A explicação, claro, é por causa da segmentação, que permite que você ajuste o foco de sua campanha.

A segunda notícia: de acordo com um estudo revelado hoje nos Estados Unidos, o Google tem os usuários mais fiéis do mercado. Explico: a pesquisa mostra que 71% dos pesquisados realiza suas buscas exclusivamente no Google, sem consultar também outros sites. O segundo lugar é do Yahoo com 48.1% e o MSN está em terceiro, com 27.8%.

Qual a relação das duas notas?

Um estudo da NielsenNetRatings divulgado em dezembro de 2005, mostra que o Google detém 48% do mercado de busca, contra 21.4% do Yahoo e 10.9% do MSN. Então, baseado nas duas notícias, qual será a estratégia da Microsoft para ganhar participação no mercado? Afinal, não basta apenas mostrar bons resultados aos anunciantes: é preciso ter um inventário significativo e isso está diretamente relacionado ao número de buscas realizadas no site. Mas, em se tratando de Microsoft tudo é possível, que o diga a Netscape, não é verdade?